Podcast

Clique aqui e tenha as melhores seleções de Podcast Irmãos.com e outros

Tela Crente

Lançamentos de bons filmes você encontra aqui no Tela Crente

Artigos de Opinião

Proteja seu casamento das influências externas. Saiba o papel do homem e da Mulher no casamento.

Artigo de Opinião

Pare e Pense!

Vlog Lú e Tero

Dúvidas sobre Namoro, Sexo, Noivado e Vocação? Confira o Vlog do Marcos Botelho

terça-feira, 8 de abril de 2014

#EuNãoMeEnvergonhoDoEvangelho

Essa semana ví um vídeo no facebook de uma jovem chamada Lucinda que mora perto da minha cidade e estuda no mesmo Instituto que eu, a qual surgiu de um desafio dos amigos. Com as hastags #EuNãoMeEnvergonhoDoEvangelho e #LançaiaPalavra eles postarão vídeos curtos lendo um versículo e levando algo de Deus para os amigos, ao publicar o vídeo marcam três amigos que deverão fazer seus vídeos em até 48hs, caso contrário deverão dar uma bíblia ao amigo que o marcou.

Assista o vídeo da Lucinda Saldanha e se inspire. Está lançado o desafio. Colocaremos os vídeos das 10 primeiras pessoas que fizerem. Comentem aqui deixando seus links.

video


Rom. 1.16 Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê; primeiro do judeu, e também do grego.

quinta-feira, 27 de março de 2014

Jesus quer nossos cadáveres



Em diversas passagens bíblicas vemos Jesus ressuscitando mortos, tocando em cadáveres e trazendo à vida aqueles que estavam mortos. Para nossa cultura, por um momento pode não haver nada de estranho Jesus ter este contato com os mortos, afinal ele é Jesus, santo, salvador e filho de Deus. Entretanto, se conhecermos melhor a cultura judaica veremos que desde sempre cadáveres são imundos e não se devia tocar neles. Mesmo assim, Jesus realizou muitos milagres de ressurreição contrariando os que dizia não ter mais jeito.
Comecei este texto falando que Jesus quer nossos cadáveres. Cadáver nos lembra algo morto, fedido, sem vida, sem sentimentos, estagnado e sem jeito. Sabe, muitas vezes nos encontramos assim, um cadáver ambulante na igreja ou fora dela. Não temos mais vida, animação e vontades, apenas seguimos a rotina iniciando e terminando o dia. Percebemos que estamos assim e isso nos causa raiva, nos faz pensar que Jesus está extremamente #chatiado com a forma que o desapontamos e paramos no meio do caminho. Vemos pessoas seguindo a Cristo com grande empolgação e isso cada vez mais nos lembra de como estamos longe e mortos. Pra que Jesus iria nos querer? Não servimos de nada assim. Esse pensamento é o mesmo das pessoas que não conhece a Cristo e muitas vezes pensamos como elas.
Em muitos os milagres da bíblia Jesus se fez imundo e impuro para trazer vida aos que já não tinham mais jeito. Na cruz ele foi morto e humilhado como o pior de todos os homens e isso para nos dar vida. Ele não morreu porque nós somos bons, pelo contrário. Sabe, nos falta um pouco de humildade. Igual a que precisamos quando temos de ir ao médico e não vamos porque nos achamos suficientes. Aceitamos a Cristo e não damos a ele o controle e ele não vai tomar isso de nós, nós temos que dá-lo por livre e espontânea vontade.
Jesus morreu por nós cadáveres, mortos sem alegria e vontades. Foi tudo por você. Tem um versículo lindo na bíblia que diz que nossa língua é como uma pena nas mão de um habilidoso escritor. E que aquilo que falamos vai ficando escrito no coração. E que a boca fala daquilo que o coração está cheio. Três versículos que se complementam nos dizendo que o que falamos vai sendo escrito na nossa história e no nosso coração, e conforme nosso coração vai se enchendo de coisas boas ou ruins a nossa boca vai falando. Então agora repita comigo em voz alta:
Eu sou o que a bíblia diz que eu sou, eu tenho o que a bíblia diz que eu tenho, eu posso o que a bíblia diz que eu posso.
Jesus morreu para que eu tenha vida e a tenha com muita abundancia.
Repita versículos, cante hinos sobre as verdades de Cristo. Façamos isso alguns dias até que seja hábito e vamos ver se não derrubamos os laços que o nosso inimigo quer colocar em nossas mentes. Deus abençoe vocês, estamos nessa luta juntos. 

Compartilhe sua opinião. Até mais.